Retrospectiva 2011

2 jan

Estou escrevendo este post do Brasil. A ideia era fazer o post “despedida” de 2011 de Londres, anunciando a merecida férias de 2 semanas no Brasil, mas os últimos dias foram corridos demais com os trabalhos do mestrado, compras de natal e visitas. Na verdade dezembro foi um mês que voou, comecei vários post e tive que abandonar por falta de inspiração e energia. Aliás, isso tem sido uma constante. Não consigo atualizar o blog o quanto gostaria e o resultado é uma fila de posts começados que nunca serão terminados.

Mas enfim, esse post é para falar de 2011 e uma oportunidade de lembrar e agradecer tantas coisas boas que aconteceram nesse ano. Diferente de 2010, que foi um daqueles anos que te deixam de cabelo em pé com tantas mudanças, 2011 foi um ano mais calmo. Falo isso porque 2010 foi o ano que me mudei para Londres e vivi muitos sentimentos que nunca imaginei experimentar e passei por momentos de felicidade extrema, mas também momentos de estranhamento absurdo. Tive dificuldade para me adaptar a língua, conheci a saudade com toda a sua potência, tive que aprender a cuidar de uma casa, a não ter papai e mamãe por perto para quebrar todos o galhos possíveis e imagináveis, a ser estrangeiro…ou seja, morar fora é isso, partir do zero em todos os sentidos, no qual tudo precisa ser criado – rotina, amigos, carreira – e familiarizado – comida, pessoas, costumes, programas, etc.

O bom disso tudo é que a gente se acostuma. Não no sentido de que a saudade passa, mas a gente se acostuma a viver com ela. Eu costumo dizer que sou uma pessoa cheia de saudades. E é verdade. Tenho saudade de tudo, de pessoas, de coisas, de memórias, cheiros. Tem dias que acordo com saudade e gosto de me lembrar e aí passo o dia inteiro nostálgica. Minhas amigas me chamam de repetitiva, pois sempre gosto de lembrar das mesmas historias e não satisfeita eu adoro repeti-las, repetí-las, repetí-las…=)

Então em 2011 eu já estava acostumada, o entorno já não me soava tão estranho, já tinha uma rotina e o coração já estava mais calmo com tantas novidades.

E com o coração e mente calma, tudo mudou. Uma das vantagens de morar na Europa é a possibilidade de viajar para vários países pertinho e num preço que cabe no bolso. E essa parte eu adoro, um vício mesmo, que não é maior pela falta de grana. Comecei o mestrado, que estou  penando e adorando. Me apaixonei por sabores novos, como comida tailandesa, árabe, indiana, de Gana. Passei a curtir uns programas que nunca fazia no Rio e por aí vai.

Mas o mais legal de 2011 foram as visitas. Sem contar repetições, recebemos 27 pessoas!!! Foram tantas pessoas queridas que vieram, que foi um prazer mostrar a cidade, papear e matar as saudades e saber mais um pouquinho sobre o Brasil. Alguns meses foram tão intensos de visitas que tivemos que fazer uma escala e mesmo assim rolou uns encontros que fizeram a nossa casinha bombar!!!

Mas não posso deixar de mencionar aqui a visita da minha família buscapé, que me fez chorar horrores na chegada e na partida. Sem desmerecer as outras visitas que recebemos, receber a minha família foi muito especial. Meus pais nunca haviam andado de avião e meu pai nunca tinha saído do Rio, assim como minha tia. E eles foram, venceram o medo do avião e chegaram lá no Velho Continente todos animados. Foi um prazer a mais mostrá-los a cidade que estava morando e acompanhar todos os estranhamentos e descobertas deles. Fiquei muito orgulhosa pois mesmo sem falar nada de inglês, eles se viraram muito bem!!! Com eles, vieram minha irmã, com meu cunhado e meus dois sobrinhos. Foi uma farra só. Passei duas semanas muito feliz com o fofo do meu afilhado, que na ocasião estava com 5 meses, no auge da gordurice e bolotice. A minha irmã, mesmo com todas as dificuldades de viajar com um bebê tão pequenino, viajou mesmo assim para me ver antes de voltar ao trabalho.  Por isso que eu os amo mais do que tudo! Obrigada!!!

Outros que merecem todos os agradecimentos do mundo são os meus sogros queridos, sempre presentes, mimando a gente de todas as formas possíveis.

Bem, antes que isso vire um muro de lamentações e agradecimentos sem fim, termino este post desejando a todos um Feliz 2012!!!

Obs: a ideia era colocar muitas fotos das pessoas que me visitaram, dos passeios, saídas, mas infelizmente não trouxe o meu computador e estou sem fotos aqui…=( Depois faço um post retrospectiva só de fotos!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: