Papo etílico

27 out

Nunca fui muito de “balada”. Não que não goste da noite, mas sempre preferi uma cerveja gelada e um bom papo em algum boteco da cidade. É claro que nos dias que o corpo pedia muito um saculejo, os sambinhas “lights” eram os campeões.

E aqui em Londres não podia ser diferente. Embora haja uma infinidade de “baladas” ultra modernosas e famosas, posso contar no dedo as vezes em que me aventurei. Então me perguntar qual é a boa nesse quesito pode ser um risco absurdo…=)

Porém, a lógica “botecão” permaneceu e eles continuam sendo a minha preferência, mas agora no formato de Pub. Literalmente os Pubs são os botecos daqui! Há um em toda esquina e sua função é a de ser um lugar quentinho e aconchegante para se tomar uma cerveja em paz. Na verdade eles são mais do que isso, eles tem uma função social importante nos bairros. É comum todo mundo aqui ter um “local”, que geralmente é um Pub do bairro no qual se mantém uma certa fidelidade. Por exemplo, no meu “local” há quiz toda semana, almoço no domingo, caça ao tesouro e se você frequentá-lo assiduamente, você provavelmente encontrará as mesmas pessoas, moradoras da sua área. E não pense que os ingleses vão ao Pub só para beber não, cansei de ver em Pub umas pessoas tomando café da manhã ou o chá da tarde no fim de semana.

Os Pubs (public houses) eram originalmente uma espécie de hospedaria, um lugar no qual os viajantes podiam comer, beber algo e descansar. O interessante são as placas dos Pubs. Geralmente tem um desenho, porque quando surgiram a maioria da população era iletrada e para ser fácil de decorar, era preciso ter desenhos que o identificassem.

Nos dias de tempo bom, as áreas ao ar livre ficam lotadas

Mas é claro que há também uns Pubs com música e mais agitados. Há um desse estilo que eu gosto bastante em Covent Garden, área bem central da cidade, irlandês, chamado Porterhouse. Geralmente a partir de quinta rola um rock ao vivo e o cardápio de cerveja é de encher os olhos. São mais de 100 tipos, de todas as partes do mundo e com o mais variado teor alcóolico. Além disso, o Porterhouse tem uma produção de cerveja própria, uma delas chamada Plain Porter, vencedora pela segunda vez do prêmio de melhor cerveja escura do mundo! Para mim sempre é uma boa pedida quando quero tomar uma cerveja, ouvir uma música e sair um pouco do “local”. E pode ser um bom lugar se você está turistando por aqui, já que é bem no centro.

The Porterhouse Covent Garden
21-22 Maiden Lane
Covent Garden
London WC2 E7NA

Tube station: Covent Garden

Anúncios

3 Respostas to “Papo etílico”

  1. Rafa outubro 27, 2011 às 8:11 pm #

    Oi, querida! Com o mestrado está difícil de escrever,né? Percebi que vc está postando menos.
    Adorei o seu pub local! É pequeno, mas super-aconchegante. Mas meu preferido foi aquele na beira do Tâmisa em Hammersmith. A comida era ótima, o lugar muito agradável e a vista maravilhosa! Tudo perfeito. Faltou vc dar as coordenadas dele para os seus leitores.
    T amo,

    Rafa

    • desconstruindorhani outubro 27, 2011 às 8:45 pm #

      É verdade, Rafinha! Tá de fato muito corrido…esse post poderia ter ficado muito melhor, se desse para incluir todos os Pubs preferidos…mas foi o que deu…fica para uma próxima algo mais detalhado!!! Saudades!!!

  2. Lilian outubro 29, 2011 às 9:57 pm #

    Rhani, você, como sempre, imbatível. Adorei a crônica sobre os pubs.
    bjs
    lilian

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: